domingo, 9 de fevereiro de 2014

Preparada pra matar.....de amor....

Eu resolvi lutar,
sair da zona de conforto e me lançar.
Resolvi expor meu coração,
resolvi me levantar do chão.
Resolvi guerrear,
cingir meus ombros para o bom combate,
não me acovardar, ir até o fim,
conquistar você pra mim.
Minha meta; seu coração,
deixar de lado um pouco a razão.
A ordem é de ataque!
Não abro mais mão,
sai da frente senão atropelo,
venho com a força de um canhão.
Sou guerreira e estou armada até o lombo,
minha arma tem munição,
são feitas de pétalas de rosas
vão bem certeiro no coração.
(SIMONE PRADO)

7 comentários:

  1. Um jardim e um lago.
    Dois patinhos a nadar
    Vi na mão de Simone Prado
    Uma rosa a desabrochar.

    Com as unhas de branco pintadas
    Nos seus delicados dedos
    Com as suas ideias bem pensadas
    Para enfrentar o amor sem medos.

    Ela sonha constantemente,
    A dormir e acordada
    Quando acorda de repente
    Não encontra o amor fica assustada.

    Não te assusta amiga não,
    Porque isso é perigoso
    Pode ao teu coração
    Causar tremendo desgosto!

    Resto de bom domingo, um beijo,
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  2. Oi Simone! Como está?
    Que delícia ler seu texto e saber dessa força que tem todos aqueles que querem e vão à luta, possuem um objetivo e não medem esforços para atingi-lo, estabelecem uma meta e 'saiam da frente que estou passando.' Porém, em se tratando de um coração, há que se ter cuidado, para que ele não vire apenas um troféu, não é?
    Um grande abraço e tenha bons dias!

    ResponderExcluir
  3. Simone preparada para matar de amor, é uma maravilhosa preparação.
    Agradeço sinceramente a sua presença no meu cantinho. Relativamente à saúde da minha mãe ainda está muito debilitada pois ela foi submetida a uma grande intervenção cirurgica e tem já muita idade e muitos outros problemas de saúde. Agora é esperar que consiga recuperar, embora vá ser muito lentamente.
    Beijinhos
    MAria

    ResponderExcluir
  4. É isso ai menina, a vida é curta e o tempo urge. Tudo no mais é convenção, é inútil formalidade, é hipocrisia. Demos a cara a tapa, dizemos o que tem de ser dito na lata, que haverá de mal no enunciado, só teceremos louvores, extravasaremos nossa emoção, cantaremos um canto de alegria, de amor pela vida, por alguém em especial. Um dia poderemos amargar nossa covardia, tanta economia de vida. Em nosso eu, irremediavelmente insatisfeito, essa demasiada satisfação social.

    ResponderExcluir
  5. OI SIMONE
    Amei o texto preparada para amor ísso é forte e muito mágico.Muito bom a sua escolha."A gente nunca perde por querer dar amor,
    quem perde é quem não quer receber".
    Foto: "A gente nunca perde por querer dar amor,
    quem perde é quem não quer receber".
    Uma tarde bem perfumada pra vc.
    Ana

    ResponderExcluir
  6. Belo e forte poema amiga !
    Você é uma guerreira... e sua arma é o amor.

    Beijos em seu coração !

    Fernanda Oliveira

    ResponderExcluir