quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Te encontrei...


Te encontrei,
nas linhas que não escrevi,
nas frases que não criei,
na história que não contei,
do livro que não publiquei.

Te encontrei nos olhos que se levantaram
e que fitaram sem ver,
te encontrei onde ninguém procurou,
onde não se podia ouvir,
dos sons que ainda não existiam,
da vida que nem ainda tinha vivido.
Nem mesmo esboçado um sorriso,
no coração que nem havia sentido,
e nem mesmo batido por não nascer.

Te encontrei, na brisa,
no vácuo do nada,
no tempo,
que no relógio,
nem significava,
...te encontrei.

Na areia que adentra os dedos,
quando os pés descalços te pude sentir,
não te encontrei quando eu buscava,
apenas quando mais nada esperava,
bem dentro de mim.

Te encontrei na minha essência,
na imensidão do isolamento,
no silêncio que cala,
do mergulhar enfim.
Te encontrei...encontrei...bem aqui...
(Simone Prado)

4 comentários:

  1. BOM DIA MINHA QUERIDA!
    POR ONDE ANDAS QUE NÃO TE VEJO ...
    SINTO SAUDADES DOS TEUS LINDOS POEMAS ...
    BJSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  2. Querida Simone, será que encontrou a sua outra metade, ou encontrou-se a si própria? Como o ser humano é complexo. E os seus versos sempre de uma delicadeza doce e surpreendente.
    Beijinho, um doce fim-de-semana
    Ruthia d'O Berço do Mundo

    ResponderExcluir
  3. Para ti, Simone Prado.
    Para tudo sempre teres
    Com tudo o que te faz sentir
    Feliz, para bem na vida viveres
    Com tudo o que não te engana
    Te desejo bom fim de semana
    Com tudo o que te faz sorrir!
    Um beijo
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  4. Estou pensando encerrar...
    O rima blog eu te dou uma flor
    Não existe motivo para continuar
    Quando a tristeza causa a dor.

    As flores abandonaram o jardim
    O jardineiro, afastado delas ficou
    Quando o visita tristeza sem fim
    Sofrimento tanto nunca pensou.

    Porque é mesmo assim a vida
    Jardineiro, triste,inconformável
    Sem a sua flor mais querida
    Viver sem ela é impensável!

    Para te manteres risonho
    Espera as tuas flores voltarão
    Jardineiro, não fiques tristonho
    Faz a vontade ao teu coração!

    Resto de bom domingo para você,
    amiga Simone Prado, um beijo
    Eduardo.

    ResponderExcluir