quinta-feira, 25 de julho de 2013

Momento de sobrevivência

Por medo vou me fechando,
os sentimentos vou deixando,
num mundo que, se deixar,
 nos congelamos nas emoções frustradas.
Por medo de ferir-me vou amando menos,
quando deveria amar mais,
vou perdendo sonhos,
quando deveria sonhar mais,
e vou vivendo mais o hoje do que o amanhã.
Talvez isso seja viver com os pés no chão!
Por ai, controlando as emoções,
contendo as lágrimas quando tentam vir,
apagando muitos sorrisos antes de aos lábios sair.
Disfarçando a tristeza e diblando a solidão,
fingindo não ter no peito um coração teimando em explodir
Apagando lembranças da ilusão,
dos momentos não vividos.
Focando em esforço fisico pra enganar minha alma muitas vezes aflita,
fazendo-me de forte para impedir fragilidades.
Muitas vezes escondendo as verdades do meu espírito apenas pra sobreviver.
Me perguntando o que restou de mim, nesse mundo sem fim.
Quem sabe um dia, volte em mim eterna alegria,
de olhos brilhantes, de ar contagiante com esperança sentida,
da dor não escondida de fatos presentes, que contagie toda gente apenas por existir.
(Simone Prado)

6 comentários:

  1. Boa tarde linda poetisa!
    Arranca lágrimas dos olhos de quem lê esta desilusão tão sentida que se abateu sobre esse coração tão desencantado sangrando de dor. Hoje venho abraçá-la e prestar-lhe uma singela homenagem.
    Você escritora é a artista que interpreta a vida através da arte. É quem borda com caligrafia dourada a emoção encadeada em cada verso, em cada palavra. Parabéns escritora pelo teu dia!
    Beijos com carinho
    Gracita

    ResponderExcluir
  2. A vida é um caminho que temos que trilhar um dia de cada vez, mas sempre acreditando que no próximo amanhecer, tudo será melhor. Nunca perder a esperança...Um dia a felicidade será plena.
    Beijos,
    Élys.

    ResponderExcluir
  3. Os pés podem ficar no chão mas a mente pode voar, solta como um passarinho.
    Beijinhos e um doce restinho de semana
    Ruthia d'O Berço do Mundo

    P.S. Feliz dia do escritor

    ResponderExcluir
  4. Olá Simone! Muito bonito, bem coordenado, porém, um tanto melancólico. Portanto, acho que o melhor é por os pés no chão porquê:

    O HOJE É MAIS SEGURO

    O ontem de hoje não retorna, é passado,
    O amanhã de hoje é incerto, é futuro.
    Prefiro o ontem do amanhã, presente sagrado,
    Que é o hoje, não passou nem é escuro.
    O passado passou e o futuro é ignorado,
    Viver a felicidade do presente é mais seguro.

    Abraços,

    Furtado.

    ResponderExcluir
  5. ____ (¯`(♥)´¯) _____(¯`(♥)´¯)
    ___¶¶ (_.^._)¶¶__¶_¶¶(_.^._)¶¶
    _¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶__¶¶¶¶¶(¯`v´¯)¶
    ¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶(¯`(♥)´¯)¶
    ¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶(_.^._)¶¶
    ¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶(¯`v´¯)¶¶¶¶¶
    _¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶(¯`(♥)´¯)¶¶¶
    ___¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶¶(_.^._)¶¶
    ______¶¶¶¶¶¶(¯`v´¯)¶¶¶¶¶
    ________¶¶¶(¯`(♥)´¯)¶¶
    ___________¶(_.^._)¶
    ____________ ¶¶¶¶¶
    _____________¶¶¶Queda prohibido...
    Queda prohibido no disfrutar de los versos de los amigos,
    de no ser feliz con lo que el día a día nos brinda
    y nos sonreír por cada minuto de vida que tenemos para disfrutar.
    Queda prohibido no sentir cada palabra,
    queda prohibido alejarse de los sentimientos
    y las ganas de vivir y ser feliz consigo mismo.
    (¸¸.♥➷♥•*¨)¸.•´¸.•*¨) ¸.•*¨)
    (¸.•´(¸. ¸.•´¸.•*¨) ¸.♥➷•*¨)TE DESEO UN HERMOSO FIN DE SEMANA!!!!

    ResponderExcluir