quarta-feira, 31 de julho de 2013

lembranças....

Por tempos compartilhei com você tantas horas,
tantas cores, tantos sorrisos,
quando chegava era como o sol a sorrir pra mim.
Quando sua voz soava, meu coração disparava e meus lábios se abriam em sorrisos de alegria.
Quando imaginava o dia que você chegaria, lindo na terra em que vivo,
aquela terra que sempre lhe tirou suspiros, podia imaginar sua face e seu abraço pra me acolher.
Quantas vezes sonhei junto a você, mesmo quando nada ia bem e por momentos estivemos cada um em seu canto e mal.
Quando meu coração se aquecia com as horas que você telefonava,
e eu sonhava e sonhava que você viria um dia.
Mas agora tudo acabou, não vai haver mais nada,
nem sorriso e nem palavras só o vazio que você deixou dentro de mim.
Foi a sinceridade que te levou pra longe e bem distante onde você se encontrou em um outro abraço, num beijo que surgiu e te roubou de mim.
Talvez você tenha descoberto que eu era diferente, tipo meio gente e que comete erros,
e desencantou e não mais sonhou comigo e talvez tenha se ferido e com isso desistido.
Mas eu te amei em cada momento, tanto tempo ocupou meu pensamento e hoje choro o abandono.
 Nada restou, nem a amizade pois não tenho como saber, que as coisas que sonhamos  faz parte de um outro mundo que não posso pertencer.
Quando estudávamos juntos e nos atraimos pelos idiomas, hoje já não trocamos mais as mesmas idéias, nem as palavras...hoje já não falamos nada.
 (Simone Prado)

Um comentário:

  1. As lembranças,ficam guardadas por toda vida!
    Guardamos dentro de uma caixa e de vez em quando abrimos para recordá-las;é muito bom reviver momentos que nos fizeram felizes.

    bjs amiga Simone
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderExcluir