sexta-feira, 23 de novembro de 2012

A falta do seu sorriso


Ainda não esqueci o olhar da sua face o sorriso que partiu,
por causa de minhas palavras que o feriu.
O brilho de seu olhar já se apagou,
já não foca os meus olhos, me abandonou.
Como no poder de palavras apagamos a luz da áurea humana,
mesmo sem intenção, sem culpa alguma?
A responsabilidade dos nossos gestos insanos,
achamos que sempre encontraremos seres desumanos,
e saímos por ai sem medir nossos atos,
cometendo atrocidades na nossa dor interna.
transformamos esse mundo numa guerra,
onde as balas que direcionamos são como balas perdidas,
sem saber em quem acertar.
É muito sério o que deixamos nossa boca falar,
atos impensados que não se tem como consertar.
Talvez o copo quebrado que não tem como colar,
o brilho que se apagou,
a dor que causou.
Saímos a atirar em quem não nos metralhou,
como vingança interna de quem um dia nos abandonou,
e quem chega, sem saber de nada é atingido quase sem nada dizer.
Foi essa a história entre eu e você.
Se eu pudesse colocaria em seus lábios o mesmo sorriso de antes, o mesmo brilho nos olhos, o mesmo carinho no coração...
mas nada posso e já pedi seu perdão. Mas caco quebrado feri e destrói, é como ferrugem que ao coração corrói.
(Simone Prado)

13 comentários:

  1. Lindo Simone.Jamais esqueceremos alguém que partiu.

    Bjs.

    Carmen Lúcia

    ResponderExcluir
  2. Esos momentos, esas sensaciones...ese Tiempo jamás podrá alcanzar el Olvido ni la indiferencia.
    Precioso Poema.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  3. oii amiga, nada pior do que atos impensados que não há como consertar, e tbém não há borracha que apague, muito ruim isso! Bjooosss

    ResponderExcluir
  4. Algunas acciones duelen y dañan el alma... hermosas letras!
    Te dejo un abrazo, buen fin de semana!

    ResponderExcluir
  5. Folhas secas caídas no chão
    Com lágrimas a planta reguei
    Saudade, lembrança recordação
    Das rosas, e da roseira que podei!

    Do sorriso que sumiu
    E a saudade que ficou
    Da folha que no chão caiu
    E do amor que não chegou!

    No céu as estrelas brilharão!
    As escuras nos deixou
    Trouxe com ela a escuridão
    Quando a noite chegou!

    Entre você e eu
    Uma história inventou
    Lindo sonho aconteceu
    Ainda bem que gostou!

    Bom fim de semana para você,
    menina Simone Prado
    Receba um beijinho
    do amigo Eduardo.




    ResponderExcluir
  6. Thats a wonderful picture Simone.....good contrast colors

    Greetings, Joop

    ResponderExcluir
  7. O problema é a pessoa partir de deixar pedaços para recordarmos e levar pedaços pra sentirmos saudades...
    bjks doces e bom fim de semana

    ResponderExcluir
  8. Texto precioso e reflexivo amiga!
    Antes de falar contra alguém precisamos
    pensar e nos colocar no lugar dela...
    porque depois nunca mais será antes.
    Abraços! Um final de semana abençoado
    e muito feliz pra ti.

    ResponderExcluir
  9. Sua poesia é uma verdadeira canção! abraços

    ResponderExcluir
  10. Bom dia minha amada !!!!
    é sempre uma viagem profunda nos teus poemas ....
    bjssssssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  11. Muitas vezes quando pensamos ser paixão, e é paixão, e acaba rápido demais, outras vezes ela vem acompanhada com amor, e nao da pra saber, aí magoamos sem querer uma pessoa que um dia vamos querer muito mais do que uma simples paixão...lindo poema!

    ResponderExcluir
  12. Infelizmente em momentos de grande intensidade por vezess proferimos palavras das quais nos iremos depois arrepender. A palavra pode ser suave como uma pluma, ou ferir como espada.
    Lindo como sempre.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  13. Querida
    Vc como sempre nos encanta com sua poesia.
    DESEJO QUE ESTA SEMANA SEJA:
    ABENÇOADA...
    ESTIMULANTE...
    FORTALECEDORA...
    COM MUITA PAZ...
    MUITAS FLORES...
    E ALEGRIAS EM SEUS CAMINHOS...
    BEIJOS...

    ResponderExcluir