domingo, 19 de agosto de 2012

Livro de poema



Eu escrevi um livro de poema,
contei meus amores,
plantei diversas flores e vi o sol nascer.
Eu falei da lua, brinquei com as estrelas,
falei do mar, das borboletas, até da joaninha eu falei.
Falei de amores perdidos, também falei dos que sonhei.
Falei de meus sentimentos, da espera que chegou com o tempo,
das minhas desistências, das minhas alegrias e também das minhas lágrimas.
Lá também registrei as minhas esperanças, lembrei dos sonhos de criança,
no livro de poesia também postei.
Escrevi desde o primeiro dia, na minha caminhada, falei de passado e presente,
das tribulações que ocuparam minha mente e também do que havia em meu coração.
Vou por ai, ainda escrevendo, enquanto dentro de mim haver inspiração.
Nos dedos as palavras criam vida e vem a fluir de dentro de mim,
derramam como águas cristalinas a passear pelos campos a invadir o jardim.
(Simone Prado)

13 comentários:

  1. Olá Simone, estou neste momento visitando seu Blog, achei-te pelo blog do nosso querido amigo Eduardo... Bem quero dizer que gostei bastante do seu texto, acredito que estarei sempre por aqui, pois nesse momento me torno participante do seu blog, e te convido a se torna amiga do meu blog, será um prazer. Bjs! Fernanda Oliveira
    http://nandamusicpoesia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá Simone,

    Colocar para fora o que vai por dentro é arte....
    Lindo texto.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  3. Lindo e deves escrever sempre!!! Linda semana,beijos,chica

    ResponderExcluir
  4. Quem faz poesias tão bem tem sede de escreve-las, abraços

    ResponderExcluir
  5. Deve ser um lindo livro de poemas amiga! Adorei! Bjinhosssss

    ResponderExcluir
  6. Um livro que ja esta escrito em seu coração, mas precisa sair da telinha e ir para o papel, para perpetuar no tempo e deixar seus lindos poemas pela vida afora. bj e bom dia amiga

    ResponderExcluir
  7. Teu livro de poemas escrito
    Para teus amores ler
    Vou dizer que acredito
    Porque você sincera ser!

    Ao contrário não devo dizer
    Sem primeiro ter a certeza
    Antes do seu livro conhecer
    Vou olhar suas flores nascer!

    Borboletas nelas a pousar
    Ver como está o seu jardim
    Onde suas flores plantar
    Perfume a pairar no ar sem fim!

    Em jardinagem se inspirou
    Para suas flores um poema escreveu
    Com elas toda a noite bailou
    Em sonho, só quando acordou se apercebeu!

    Teria sido um lindo sonho
    Com prazer acontecido
    Feliz e não medonho
    Num jardim florido!

    Boa segunda-feira para você,
    e continue a falar do mar a da Joaninha.
    Um beijo
    Eduardo.


    ResponderExcluir
  8. É muito bom te ler, saio daqui encantada, menina. Sempre estás inspirada e esse "livro já é um sucesso, feliz de quem o lê...
    Beijos e uma boa semana c muito amor e PAZ.

    ResponderExcluir
  9. Que livro maravilhoso esse, escrito com letras garrafais de amor e cores do coração...

    Ótima semana para você, Simone!

    ResponderExcluir
  10. Um livro feito de vida... lindo como conceito! Adorei.
    Uma ótima semana para a Simone, cheia de boas energias.

    Beijinho
    Ruthia d'O Berço do Mundo
    http://bercodomundo.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  11. Gracias por tu encantadora visita a mi sitio y por dejar las huellas para llegar al tuyo, quedo fascinada con tu blog!
    Me llevo el hermoso perfume de las flores impregnado en tus letras, te sigo!
    Abrazos miles desde Uruguay!

    ResponderExcluir
  12. PARABÉNS Simone! Lindo poema, continue escrevendo, que perdure assim e para melhor!

    ResponderExcluir