sábado, 25 de agosto de 2012

Alguns sonhos deixei de sonhar,
não porque não eram mais importantes,
mas porque descobri que já não faziam falta.
(Simone Prado)

5 comentários:

  1. É mesmo assim e penso que faz parte do nosso crescimento essa aceitação. Logo arranjamos outros sonhos que ocupam o lugar dos primeiros! Bjs

    ResponderExcluir
  2. Lindo e isso ´é verdade!Há coisas que se tornam dispensáveis... Mas n~ão deixa de se triste...beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Um lindo texto para se refletir.Parabéns.

    ResponderExcluir
  4. Nessa não vou acreditar
    Amiga Simone me desculpa
    Você não deixou de sonhar
    A penas está confusa!

    Você continua a sonhar
    Ao contrário não o diga
    Poderá não encontrar
    Mas com certeza acredita!

    Que a esperança existe
    E também o amor
    Não adianta ficar triste
    Vai ao jardim colher uma flor!

    Muitas lindas lá estão
    Junta-te a elas
    Seu perfume te darão
    Sejam vermelhas ou amarelas!

    Junto delas estejam
    Cravos vermelhos à tua espera
    Que muito te desejam
    Ver-te junto da tua janela!

    Bom domingo para uma menina
    que deixou de sonhar?
    Um beijo
    Eduardo.

    ResponderExcluir