sexta-feira, 22 de junho de 2012

Algumas vontades....

Tenho vontade de  deixar sair um grito rouco que está quase a me estrangular,
tenho vontade de tirar da minha cabeça pensamentos que não me levarão a nenhum lugar.
Sentimentos que me fazem chorar algumas vezes, que chegam a me ferir, no lugar deles gostaria de sorrir.




Tenho vontade de fazer  minhas próprias vontades, sem regras. Tenho vontade de chutar o balde em qualquer direção, vasculhar minha vida, jogar fora os lixos com minha mãos. Tenho vontade de andar sem rumo, sem oportuno, meio tipo: na contramão.


Tenho tantas vontades, de pular numa corda bamba e me soltar no espaço, livre e sem embaraços. De caminhar numa estrada sem fim, olhando ao redor e vendo somente a mim. Tenho vontade de ser eu em meio a multidão, mas ser diferente, e chamar a atenção. Tenho vontade de sentar-me e não fazer absolutamente nada, olhar apenas a bagagem sem pressa de ir.


(Simone Prado)

4 comentários:

  1. Se tem vontade, arrume o momento e faça acontecer, deixe de lado os pensamentos que te faz desistir, vá e nunca deixe de escutar a voz do seu coração, pois ele nos guia para o amor, e sentimento melhor não pode existir...lindo amiga beijos

    ResponderExcluir
  2. Estou atrasado em comentar
    Com vontade de o fazer
    Pelo menos uma quadra aqui deixar
    Porque também o não devo esquecer!

    Por isso mesmo aqui estou
    Mas só uma quadra pouco ser
    Sei que por mais esperou
    Duas já estou a escrever!

    Para você farei
    Tudo de boa vontade
    Em mais nada reparei
    Não por falta de liberdade!

    Não adianta andar à toa
    Nas festas de São João
    Sardinhas assadas e broa
    E muita animação!

    Qualquer coisa escrevi
    Andei por aqui a inventar
    No caminho me perdi
    Por isso mais tarde aqui chegar!

    Bom fim de semana,
    um beijinho
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  3. kkkkkk....vc é demais Edu...brinca até ao prosear...nos enriquece com suas rimas e gargalhadas a dar. Lindo seu poetar, amor demais.

    ResponderExcluir