terça-feira, 15 de maio de 2012

Sou apenas uma joaninha



A caminhar pelo jardim,
pousando em cada flor,
voando assim, assim.

Sou apenas uma joaninha de tão pequenina,
mas onde passo deixo meu encanto,
meus desenhos atraem olhares por todos os cantos.

Minha diversidade de cores traduz a perfeição da criação,
sou inofensiva, as crianças gostam de comigo brincar,
sou tão linda que querem sempre me pegar.

Vou caminhando lentamente,
as vezes, chego a dar pequenos voos.
Sou joaninha simplesmente,
nesse mundo gigantesco,
mas trago comigo grande apreço,
que alegro onde passar.
(Simone Prado) 

15 comentários:

  1. Lindo, amiga Simone.
    Um abração. Tenhas uma linda noite.

    ResponderExcluir
  2. Muito linda essa joaninha!Adoro!!beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. A força e a fé que existem em nós, superam o nosso tamanho e fazem-nos ser gigantes!!!!
    Beijo minha querida, e continue Joaninha sempre

    ResponderExcluir
  4. Se você for procurar uma joaninha vc não encontra, mas repentinamente ela esta em suas mãos. eis um milágre! abraços

    ResponderExcluir
  5. Adorei a joaninha amiga, está muito fofo o Blog e o poema ilustrou muito bem, ou foi a imagem que ilustrou o poema, de qualquer forma está lindo e vc sempre escrevendo muito bem, somos joaninhas mesmo nesse mundão de Deus! Bjoooss

    ResponderExcluir
  6. Me desculpa, mas não acredito
    Você não ser uma joaninha!
    Não voa, nem vive no labirinto
    Mais se parece com uma rainha!

    Pode ser uma flor
    Mas não vive no jardim
    Seu sorriso encantador
    Gosto dele assim.

    Joaninha pensa ser
    Mas não tem asas para voar
    Foi um sonho ao amanhecer
    No jardim e numa flor pousar!

    Boa quarta-feira, para você.
    E aquela Joaninha no mal me quer bem me quer pousada.
    Um beijo
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  7. Simone, adorei!!! São mesmo lindas as joaninhas, as da minha infancia, as da infancia dos meus netos, minhas duas netinhas amam brincar com as joaninhas, ainda bem que cuidam para que não as machuquem,em meu quintal tenho muitos grandes vasos plantados com frutíferas e elas aparecem, que lindas!
    Amei esse post, seus versos felizes, que lindos!
    Abraços
    Ivone

    ResponderExcluir
  8. Que delicadeza em seu poema minha querida... acho tão meiguinhas as joaninhas e cada vez que vejo uma me lembro da nossa querida amiga Chica.
    Beijinhos e feliz dia!
    Valéria

    ResponderExcluir
  9. Não só na poesia, como na realidade. São mesmo lindas as joaninhas.
    Parabéns pelos versos, poetiza! =D

    Uma ótima tarde de quarta-feira.
    Um forte abraço, Tati.

    http://tatian-esalles.blogspot.com.br/

    Att.

    ResponderExcluir
  10. Hola Simone, muy bellas tus leras,
    tienes un bonito espacio.
    un saludo.

    ResponderExcluir
  11. "Sou joaninha, simplesmente...
    Muito linda essa poesia!
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  12. lindas palavras simone parabens - também sou uma joaninha na vida - Vou caminhando lentamente, as vezes, chego a dar pequenos voos. - caminhamos lentamente, mas caminhamos, as vezes damos pequenos voos, mas voamos. é isso ai joaninha - abraços lamarque

    ResponderExcluir
  13. Querida Simone!
    Muito obrigada por participar do meu sorteio.
    Boa sorte! Que Deus a abençoe!
    Abraços, com carinho,
    Angela

    ResponderExcluir
  14. Poetisa querida! Seu poema (joaninha) me comoveu, é lindo e sensível.
    tenho acompahado seus trabalhos e fiquei sua fã.
    Tomei a liberdade de postar em "Meu céu da Felicidade"
    claro que com o devido crédito.
    Um abraço e parabéns

    vera portella

    ResponderExcluir