sábado, 17 de março de 2012

Se eu te disser não.

Se eu te disser não,
com o tempo será esquecido, aquele lance nem vivido,
que tomou outra direção.
Se eu te disser não,
outra pessoa tomará meu lugar em sua vida,
não há uma vaga propriamente dita nem com placa de proibido estacionar.
Não é fixo o meu lugar em seu coração.
Se eu te disser não,
talvez você se entristeça mas depois de um dia com certeza se esqueça,
que por um momento em nossas vidas nossos passos se cruzaram.
Se eu te disser não,
 seria por precaução,
para que depois não dilacere meu coração.
Como um resguardar, ou uma covardia,
que você invada minha vida e tome o controle da situação.
SE EU TE DISSER NÃO,
não sou submissa e gosto de me sentir segura no leme da navegação,
não gosto de ser um barco a deriva para que venha me guiar,
abalando minhas estruturas querendo me arranhar.
O casco pode ser duro das grandes viagens em alto mar,
mas se penetrar em minha estrutura pode me fazer naufragar.
Foram anos de construção pra aprender a navegar,
SE EU TE DISSER NÃO,
é somente como fuga para que não leve o  meu coração.
(Simone Prado) 

10 comentários:

  1. E assim a vida seguirá e outro caminho se abrirá. Sempre lindos seus poemas.Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Ninguém irá respeitar,
    Aquele sinal que pensa ser proibido
    É de esperança, indica avançar
    Até a encontrar o lugar escondido.

    O que interessa dizer não,
    Se não é esse o seu desejo
    Sem pena do seu coração
    Até será capaz de recusar um beijo.

    Não queiras sofrer mais menina,
    Tira daí esse sinal
    Porque a vida é tão pequenina
    A ti própria não causes mais mal!

    Tu é em quem mais sofre com isso,
    Continuas a viver tristemente
    Afasta esse pesadelos do feitiço
    E vive tua vida alegremente!

    Bom fim de semana para você,
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  3. Corrijo: até (a) está a mais.Tu é (em) está a mais.

    ResponderExcluir
  4. Obrigada pela visitinha em meu blog...
    E parabéns...adorei o seu!!
    Esse post retrata um momento que estou vivendo agora..rs!!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  5. Então Simone,
    Dizer não tem seus prós e contras e deve ser pesado na balança tal qual fez... Acho que eu nao diria não, para viver plenamente devemos correr o risco do naufrágio, aguentar as ondas fortes e os vendavais que ele oferece.
    Mas tudo é uma questão de como pensamos, só não podemos dizer um "não" inrefletido e depois chorar as dores das conseguências disso.
    Lindos versos como sempre.
    Beijokas doces e um bom fim de semana

    ResponderExcluir
  6. Não nos envolver por medo nos tira a chance de sentir intensidades...e é de intensidades que é feita a vida. Acredito que este é um medo comum a todos nós, mortais.
    Belo poema que traduz lindamente o medo que a maioria de nós sentimos.
    Parabéns Simone
    Grande beijo

    ResponderExcluir
  7. Minha amiga sempre brilhante. A vida é feita de escolhas, umas vezes dizemos sim, outras o melhor será um não.
    Bom fim de semana
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  8. Simone, se você disser que não, ninguém há de refutar, fazer o quê?...
    Brincadeiras à parte!Parabéns pelo blog; já o sigo. Convido-lhe visitar e seguir o meu.

    ResponderExcluir
  9. Parabéns amiga pelo post!
    Estou aqui refletindo sobre meus nãos,
    preciso viver mais leve...
    Abraços! Um lindo e abençoado final de semana.

    ResponderExcluir
  10. Há momentos em que dissemos não e queriamos dizer sim, é preciso refletir...um dia eu disse NÂO com todas as letras soletradas, me arrependi.. passei longo tempo tentando corrigir o não pelo sim...
    tudo depende do momento e um não precisa ser refletido, como tb ele pode ser dito em primeira palavra e com afirmação..
    precisamos refletir em nossos nãos...

    abraços
    e um lindo domingo pra ti
    Giovanna

    ResponderExcluir