sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Mundos distantes.



Muitas vezes nosso mundo parece muito distante um do outro.
A sensação  é que o que nos separa é o universo,
parecemos viver em outro planeta,
unidos apenas num mundo interno chamado coração.
Nesse mundo colorido que não enxerga as impossibilidades,
que deseja somente o que traz contentamento de dois corações
que necessitam estar juntos.
Quantos, são aqueles que estão no mesmo mundo, no mesmo espaço,
no mesmo ar e estão em mundos distantes mesmo assim.
Onde não há lugar para sentimentos, nem para verdades, nem nada esperam,
apenas passam nessa vida, somente por passar.
Haverá impossível para dois seres que querem se encontrar?
Que os que os ligam é apenas o desejo de amar. 

3 comentários:

  1. Por amor nada é impossível, beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  2. Estes são os dias do E.T. phone home e acontece com todos nós. Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  3. O amor é capaz de tudo. Vim conhecer seu espaço poético, gostei muito daqui e já te sigo. Muito obrigado pela visita e pelos comentários, seja sempre bem vinda.Tudo de bom pra você, beijos.

    ResponderExcluir