quinta-feira, 2 de junho de 2011

Não faz falta


Não faz falta,
se hoje você não chegar,
não quiser conversar e nem mais me encontrar.
Hoje não faz falta.
A saudade deixou de ser saudade, anestesiou, não causa mais efeito.
O sentimento tão lindo hoje está desfeito.
A ansiedade passou,
o querer estar junto, acabou.
Que pena, foi tudo o que restou.
De tudo que se podia rolar,
o silêncio veio me silenciar.
As palavras agora não tem mais sentido,
antes te achava tão bonito,
agora não quero nada achar.
Já passou, a amizade por um tempo pode durar,
mas o que tinha que acreditar, agora não mais quero estar.
O sonho foi embora, a esperança se esvaeceu,
hoje aquela, não é mais eu.
Não consigo mais me alegrar,
só de em você pensar,
aquele sentimento que me deixava tão feliz,
partiu, e não quis me levar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário