segunda-feira, 13 de junho de 2011

Apenas uma saudade



Saudade  que me maltrata,
que bate em meu peito fazendo pirraça.
Parece zombar de mim,
quando me vê tão triste assim.


Um dia dessa saudade eu vou rir com prazer,
vou mostrar pra ela quem vai vencer.
Saudade nunca mais vou querer te ver,
somente porque com você hoje tenho que conviver.


Um dia em seu lugar vai estar um alguém,
que me invadiu e me despertou pra viver.
Um alguém tão profundo que parece o mundo,
um mundo de emoção que chegou e se instalou
bem no fundo do meu coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário