sábado, 16 de abril de 2011

Lembrei-me de você.

Hoje acordei e me deixei lembrar,
em momentos que me perdi em te amar,
numa dança enlouquecida do prazer,
hoje acordei, e me lembrei de você.


Quando nos amamos  com intensidade,
e nosso corpo expressava toda linguagem,
numa mistura de cheiro, de sensações e desejos,
que só o corpo sabe expressar,
e nem palavras dizer,
hoje acordei, e me lembrei de você.


As lágrimas não pude conter,
logo ao amanhecer chorei por você.
Por que sinto saudade dos momentos que foram de verdade,
daquele tesão que me enlouquecia,
daqueles momentos de alegria,
de estimada loucura,
que não posso esquecer.
Hoje acordei, e me lembrei de você.


A saudade chega a doer,
saudades eternas de você.
Daquela coisa quimicamente inexplicável,
quando nossos corpos se colavam,
Quando o toque, as mordidas de sacanagem,
falavam de um amor de verdade,
que nunca vou esquecer.
Hoje acordei, e me lembrei de você.

Um comentário:

  1. A saudade faz doer, e quando não se tem mais jeito, temos que tentar assim mesmo seguir em frente, a vida traz motivos para se alegrar, para tentar outra vez conhecer a felicidade que um dia bateu em sua porta, portanto,nao deixe isso te perturbar, tenta não pensar, desvia o pensamento,
    pense que um dia ainda encontrará um amor tão grande ou até mesmo maior do que esse que deixou tantas marcas, é difícil, eu sei, mas tente, seja feliz,beijos

    ResponderExcluir