domingo, 24 de abril de 2011

Entre rosas e amor...seu valor.

Algumas rosas não tem o valor merecido,
ficam como um coração num canto escondido,
mas com isso não deixam de ser rosas,
e nem o amor de ser amor.
 Mesmo depetaladas continuam exalando perfume,
e conservam sua beleza e sua cor.
Nem o amor estraçalhado deixa de ser amor.

Um comentário: