quinta-feira, 31 de março de 2011

TRANSPARÊNCIA

Transparência quero em meu viver,
aprender a confiar num sentimento puro e sincero,
isso que mais quero, sem me esconder.
Não quero aquela sensação de desprezo que um dia eu pude ter,
quero ser realista em meu viver.
Cara a cara eu falo o que penso,
mesmo se magoar você, pois
transparência quero entre eu e você.
Não adianta dizer que está tudo bem,
se dentro de mim não existe amor.
Seja assim como for, vai viver sua vida por favor.
Ninguém é obrigado a viver sem querer,
apenas por comodismo e sentimentos platônicos.
A vida é muito curta para perder meu tempo e desgastar o seu.
Deixa as roupas jogadas no chão, não se preocupe,
feche a porta ao sair.
Não olhe para trás, vá viver um novo amanhã, uma nova realidade,
quem sabe como eu você encontre um amor de verdade pra ser feliz.
Não, não está tudo acabado vamos ser maduros e encarar a realidade.
A vida não acaba aqui, tente ver com novos olhos, eu errei, desculpe-me,
mas erros são feitos para serem refeitos.
Vá, me deixe, quero ficar sozinha e esquecer,
que mais uma vez tentamos, mas não pode ser.

Nenhum comentário:

Postar um comentário