sábado, 29 de janeiro de 2011

JARDIM DA MINHA VIDA

Talvez o sonho um dia venha a ser perder
Talvez no jardim da minha vida não encontre você.
Talvez a alegria bata em retirada 
e venha ser presente de uma outra forma.
No barulho das ondas, no vento, no ar,
Talvez alegria encontre num outro lugar,
num outro olhar, numa outra voz.
De certo que não vou procurar e se o amor de fato
um dia chegar, nem sei como vai me encontrar.
A gente leva a vida juntando caquinhos, como a brincar.
Isso tudo faz parte de quem só quer amar,
só não se pode desanimar e nem se abater,
pois dentro de mim tem um ser e no meu jardim
flores preciosas tenho que proteger.


Nenhum comentário:

Postar um comentário